Black Friday em setembro? Saiba mais sobre essa possibilidade

black friday

De acordo com as previsões, a Black Friday 2018 não vai acontecer em novembro como em todos os outros anos. Os lojistas, principalmente os do varejo físico, estudam antecipar a data para setembro. A alteração tem como objetivo diminuir o impacto da Black Friday nas vendas e margem de lucro do Natal, visto que esta tem sido uma reclamação frequente dos varejistas nos últimos anos. Porém o 13° salário e a consolidação da data no mercado são os principais entraves para alterar a data, segundo especialistas e varejistas.

A frentes das negociações, a Associação Brasileira dos Lojistas de Shopping afirma que nos encontros que aconteceram participaram entre 50 e 60 representantes de empresas do varejo, alguns deles e-commerce. Destes, cerca de 70% concordaram em antecipar a Black Friday para o mês de setembro. Todos eles afirmam que nos últimos anos a Black Friday significou uma antecipação do Natal, o que diminuiu o lucro no mês de dezembro. Isto também afeta as empresas, pois os descontos característicos da data diminuem as margens de lucro, que geralmente são altas no Natal. Daí surge a sugestão do mês de setembro para realização da Black Friday, já que este é um mês morno para vendas e um pouco mais distante de dezembro, o que não afeta as vendas do Natal.

Apesar de diversas empresas apoiarem à mudança, existem obstáculos à alteração. Os profissionais de marketing dessas empresas se preocupam principalmente na forma de divulgação desta data, o que causa discórdia dentro do próprio grupo que discute a modificação. Os principais argumentos contra este movimento é que a Black Friday é uma data promocional mundial e não poderia ser modificada apenas no Brasil, além de que após longos anos de divulgação, somente agora começa a se firmar no calendário dos brasileiros e uma troca levaria no mínimo para mais cinco anos de adaptação, perdendo todo o esforço feito até agora por diversos varejistas e associações.

Com argumentos contra e a favor, a única certeza do varejo é que este ano a Black Friday continua em novembro, como manda a tradição. Para 2018, as reuniões continuam para discutir a viabilidade da alteração com todos lojistas, existe até a possibilidade de no próximo ano ocorrerem duas Black Friday, uma na data tradicional e a outra em setembro com aqueles que aderirem a nova data.

Paloma Barra Sobre o Autor