Como criar loja virtual: dicas para começar o seu negócio

criar loja virtual

Mesmo com o relaxamento das medidas de isolamento social, o comportamento dos consumidores não será mais como antes e as empresas precisam se reinventar, procurar novas formas de vender e se manterem próximas aos consumidores. Criar uma loja virtual para vender seus produtos na internet é uma estratégia com grande potencial e possibilidades, o que gera muitas dúvidas sobre como investir nessa oportunidade. Por isso, criamos um passo a passo de como criar uma loja virtual, confira!

 

1 – Escolha da plataforma

Há diversas opções de plataformas disponíveis no mercado e para escolher a ideal para o seu negócio é preciso avaliar além do valor, as funcionalidades, integrações e plug-ins disponíveis. Ter uma plataforma adequada permitirá que os seus clientes tenham uma experiência encantadora, intuitiva e ágil, além de menos problemas para gestão.

Pesquise sobre todas as plataformas disponíveis no mercado, teste a usabilidade e para garantir o desenvolvimento correto contrate uma empresa que saiba como criar uma loja virtual para auxiliar nesse momento de transformação do seu negócio.

 

2 – Entrega/ distribuição

Ao investir em uma loja virtual, o seu negócio passa a atender novas áreas e regiões, e a distribuição de produtos precisa ser feita por uma empresa responsável e eficiente. Entre as opções disponíveis estão os correios e empresas especializadas em logística. Avalie as alternativas da plataforma que você escolheu no momento de criar a loja virtual.

Analise os custos envolvidos para oferecer o máximo de opções a seus clientes, o frete precisa ser considerado desde o começo, pensando inclusive na expansão do seu negócio, fretes altos costumam ser empecilhos no momento da compra.

 

3 – Formas de pagamento

A plataforma utilizada para os pagamentos em sua loja virtual precisa contar com funcionalidades que permitam o controle e automação do processo de cobrança, além de oferecer diversas possibilidades de pagamento aos consumidores.

PagSeguro, Mercado Pago e Paypal são as opções mais populares. Uma plataforma de gestão de pagamentos, que faça o controle de vendas avulsas, parceladas e recorrentes, pode fazer muita diferença para o seu negócio!

 

4 – Sistema antifraude

Ao invés de utilizar intermediadores de pagamento, como o PagSeguro, você também pode contratar diretamente as adquirentes, por exemplo, a Cielo. Porém, para garantir a segurança nas transações, não se pode esquecer do sistema antifraude na hora de criar uma loja virtual, garantindo a sua empresa e os seus clientes contra possíveis compras fraudulentas!

 

5 – Investir em marketing digital

De nada adianta ter uma plataforma incrível e uma loja maravilhosa se ninguém ficar sabendo da existência dela, não é mesmo? Não dá para sentar e esperar os clientes aparecerem.

Redes sociais, anúncios no Google, SEO, marketing de conteúdo e Inbound marketing são algumas das estratégias que podem alavancar o seu negócio e tornar a sua loja mais reconhecida.